05 abril 2009

DOMINGO

DOMINGOS... às vezes tenho umas cismas com eles, mas acho que cobramos muito deles, o que só depende de nós. Mas olha que a rua fica mesmo vazia... Onde foi todo mundo? ... E a TV que triste, escolhem o que tem de pior. Mas tem o almoço em família, o cineminha, a caminhada, a pracinha com as crianças e está um belo dia de sol.
Mas vamos ver algumas opiniões:

No céu é sempre domingo. E a gente não tem outra coisa a fazer senão ouvir os chatos. E lá é ainda pior que aqui, pois se trata dos chatos de todas as épocas do mundo. Mario Quintana

O HOMEM SONHA COM A IMORTALIDADE MAS NAO SABE O QUE FAZER EM UMA TARDE DE DOMINGO. Sergio Maraba

Tardes de domingo... o tédio escorregava nos meus olhos a hora que passava, parou pra me admirar suspirando bocejos de tempo. Diana Pilatti.

Um bom domingo dá-se... quando conseguimos fazer brotar desse dia a leveza e a alegria, como no rosto de uma criança...Sorrindo. Bruno Bezera.

brincando e falando sério... hoje, domingo, se vc nao quer mandar um "inteiro", pode mandar um e-mail...ficaria feliz... parabens para nós.....( que trocadilho enfame..rsrsr). Poeta (?).

Jornal de Domingo e seus generosos Classificados... Seriam úteis se não fossem desclassificados pelo folhear decidido do implacável leitor. M.M.Soriano.

Quem Dera! Se todo dia fosse assim, se o domingo não tivesse fim. E não houvesse trabalho amanhã. Rub-quem dera.

4 comentários:

Dulce disse...

Ney
Cada domingo depende mesmo é de nós, de nosso estado de espírito. Hoje, por aqui, é dia de paz. Minha poltrona, a companhia de um bom livro, o Bill sentadinho aos meus pés, a chuva caindo lá fora... Delícia de domingo...
bjs.

heli disse...

Ney.
Domingo é um dia interessante quando estamos com aqueles a quem amamos, é dia de reunir a família, fazer uma comidinha diferente.Minha mãe sempre fazia um almoço diferente aos domingos e eu lembro dela com saudades.
Ela adorava reunir a família aos domingos...

Ao ler seu post, lembrei desta música:

Jovens Tardes De Domingo
Roberto Carlos
Composição: Roberto Carlos

Eu me lembro com saudade
O tempo que passou
O tempo passa tão depressa
Mas em mim deixou
Jovens tardes de domingo
Tantas alegrias
Velhos tempos
Belos dias
Canções usavam formas simples
Pra falar de amor
Carrões e gente numa festa
De sorriso e cor
Jovens tardes de domingo
Tantas alegrias
Velhos tempos
Belos dias

Hoje os meus domingos
São doces recordações
Daquelas tardes de guitarras
Sonhos e emoções
O que foi felicidade
Me mata agora de saudade
Velhos tempos
Belos dias

Velhos tempos
Belos dias
Hoje os meus domingos
São doces recordações
Daquelas tardes de guitarras
Flores e emoções
O que foi felicidade
Me mata agora de saudade

Velhos tempos
Belos dias
Velhos tempos
Belos dias
Velhos tempos
Belos dias

ney disse...

No meu tempo o domingo começava com a missa das 8 horas, como aluno do Colégio Salesiano cantávamos hinos na igreja, ocupávamos todo um lado da Basílica N.S. Auxiliadora. E vinha a missa em latim que ninguém entendia nada... senta, levanta, ajoelha. Tinha a sessão das 10 nos cinemas, Festival Tom e Jerry, Flash Gordon no planeta Marte, Gordo e Magro. O almoço em família, o futebol, o matiné no cinema... e tinha a pescaria: "Domingo é dia, de pescaria, lá vou de caniço e samburá... maré está cheia, fico na areia, porque na areia dá mais peixe que no mar..."
Depois o domingo perdeu seu prestígio para o sábado, que nem todos trabalhavam, até que sexta-feira passou a ser a noite esperada.
Agora temos feriadões, enfarrafamentos, arrastões... ney/

Jardeco7 disse...

E pensar que é o primeiro dia da semana.