26 maio 2010

PROGRAMA CAFÉ FILOSÓFICO - DIANA CORSO - FAMÍLIA: CORAÇÃO DE UM MUNDO SEM REFÚGIO

Íntegra: Família: coração de um mundo sem refúgio - Diana Corso
 
 
Tempo do vídeo: 100 minutos aprox.
A organização da família e a experiência da infância passam por transformações profundas nos dias atuais. Estruturas familiares inéditas emergem numa sociedade que hiperestimula a infância, celebra a autonomia e não admite a velhice. São tempos de mães libertas, pais fraternos e inseguros, filhos críticos. O que é, para onde vai, a família nuclear contemporânea, centro de um mundo tão descentrado como o nosso?

Palestra de Diana Corso no programa Café Filosófico CPFL gravada no dia 10 de junho, em São Paulo.

Chegando junto com o nascimento da Clara.

Quero informar aos amigos que a Clara nasceu bem.É linda e muito chorona, do mesmo modo que meu filho(agora pai) era quando nasceu.
Não dá para descrever a emoção ao ver a minha neta nos braços do meu filho.Foi ele quem nos mostrou-a ainda sem roupas.Ele estava com um largo sorriso nos lábios.
Posteriormente estarei postando aqui a foto onde foi registrado esse momento muito especial na minha vida.
Quando a peguei no colo, meu coração disparou de alegria e as lágrimas rolaram sem controle.
Pois é, agora sou vovó!!!!

CHEGANDO JUNTO NA JABULANI E NA VUVUZELA (clique aqui)


A JABULANI já vai entrar em campo, logo as VUVUZELAS estarão tocando alto nos nossos ouvidos. Mas essa ai do vídeo não vai incomodar, vai ficar um som bonitinho (rs).

24 maio 2010

FRASE DO DIA

"As crianças e os loucos dizem a verdade. Por isso educam os primeiros e encarceram os segundos."
Sofocleto

22 maio 2010

Crianças

"Grande é a poesia, a bondade e as danças...
Mas o melhor do mundo são as crianças".
(Fernando Pessoa, Obra Poética)

Aproveitando os versos do poeta, quero compartilhar com vocês a minha grande alegria:Na próxima terça -feira, dia 25 de maio será o nascimento da Clara, minha primeira neta.
O parto será feito através da cesariana, pois a danadinha resolveu sentar no útero da sua mãe.
Já sinto tamanha emoção ao saber que ser avó é algo maravilhoso e estamos em contagem regressiva aguardando o momento de ver como será seu rosto, seus olhos...

21 maio 2010

Rock in Rio Lisboa (clique aqui)

Chegando junto com o Rock in Rio hoje em Lisboa.
Wikipédia: Originalmente organizado no Rio de Janeiro, de onde vem o nome do evento, o Rock in Rio tornou-se um evento de repercussão mundial e, em 2004, teve a sua primeira edição internacional em Lisboa, Portugal.
Ao longo da sua história, o Rock in Rio teve sete edições, três no Brasil, três em Portugal e uma em Espanha. Em 2008, foi realizado pela primeira vez em dois locais diferentes, Lisboa e Madrid.
Clique no Título acima (link) - vídeo youtube da apresentação.

20 maio 2010

17 maio 2010

DE VOLTA AO PORTAL (clique aqui)





fotos ney (clique para ampliá-las)
Em postagem anterior falei do portal do tempo num contexto diferente, citando alguns filmes, a motivação mágica, dos sentidos e científica de viajar no tempo, encontrar respostas.
Do ponto de vista poético e filosófico ele nos faz pensar também na importância de abrir portas, buscar os sonhos, a realidade, a vida.
Diz bem ainda esta música sobre caminhos, amor, aprisionar, libertar, adormecer e despertar paixões; disse bem numa minissérie dos bons tempos da TV (Hilda Furacão); diz como ninguém Nana Caymmi nessa música. Clique no Título acima (link).

16 maio 2010

AUTOPSICOGRAFIA

Para iniciar uma nova semana, os versos de Fernando Pessoa.

O poeta é um fingidor.
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é dor
A dor que deveras sente.

E os que lêem o que escreve,
Na dor lida sentem bem,
Não as duas que ele teve,
Mas só a que eles não têm.

E assim nas calhas da roda
Gira, a entreter a razão,
Esse comboio de corda
Que se chama o coração.

15 maio 2010

CHEGANDO JUNTO COM A BELA OPERA (clique aqui)

Mais de 30 membros da Companhia de Opera da Filadélfia, no meio do povo num mercado, como transeuntes comuns, de repente começam a cantar... VALE CONFERIR ! Clique no Título.

12 maio 2010

O FRIO ESPECIAL

Mesmo estando no outono, o frio já chegou aqui em Curitiba.
Podemos afirmar que o inverno já chegou.

O frio especial

O frio especial das manhãs de viagem,
A angústia da partida, carnal no arrepanhar
Que vai do coração à pele,
Que chora virtualmente embora alegre.

Fernando Pessoa( Álvaro de campos )

CARROUSSEL


foto ney.
Vai uma voltinha no carroussel? Aproveita que está vazio, ninguém está vendo... (rs).
No cancioneiro (Fernando Pessoa) - CHUVA OBLÍQUA - parte (V)

Lá fora vai um redemoinho de sol os cavalos do carroussel...
Árvores, pedras, montes, bailam parados dentro de mim...
Noite absoluta na feira iluminada, luar no dia de sol lá fora,
E as luzes todas da feira fazem ruídos dos muros do quintal...
Ranchos de raparigas de bilha à cabeça
Que passam lá fora, cheias de estar sob o sol,
Cruzam-se com grandes grupos peganhentos de gente que anda na feira,
Gente toda misturada com as luzes das barracas, com a noite e com o luar,

09 maio 2010

NO PORTAL DO TEMPO (clique aqui)








fotos ney (clique para ampliá-las.
Tem horas que queremos viajar no tempo, ou somos de alguma forma motivados... imagens, sons, paladares, cheiros, saudades, amores. Até no contexto científico sempre despertou o interesse humano. Inúmeros filmes nos levaram por essas viagens no tempo, como ALGUM LUGAR DO PASSADO, DE VOLTA PARA O FUTURO e tantos outros. Sempre se falou em máquina do tempo. Somos elos de uma corrente em movimento, de um caminhar da humanidade, cheia de mistérios, sonhos, sentimentos. A internet não deixa de ser um pouco essa imaginária máquina, na telinha a nossa frente podemos enveredar por muitos caminhos.
Hoje talvez tenha sido a natureza (um dia chuvoso e cinza); ou as emoções do DIA DAS MÃES, embora um domingo alegre em família (almoço com filhos e netos), meus pais já não estão conosco. Mas valem os bons sentimentos, essa aventura da vida, o infinito sem passado, presente e futuro, e se perdemos algo, também existem luzes e belezas. Diz bem a música POESIA (Cazuza/Frejat): Letra e música no link acima (clicando no Título), ou no endereço que segue - http://www.youtube.com/watch?v=Vrb8TDz1krE&feature=related

MÃE




M: Pela Maternidade e os cuidados com todos os filhos...

A: Pelo Amor maternal e insuperável...

E:Porque é Especial.Por seu amor, por sua entrega e pela forma com que se dedica a manter unida toda a família.

FELIZ DIA DAS MÃES

08 maio 2010

CHORO DE MULHER

Na véspera do dia DAS MÃES, algumas amenidades servem para refletir sobre o papel da mulher.

CHORO DE MULHER

Um garotinho perguntou à sua mãe:
- Mamãe, por que você está chorando?E ela respondeu:
- Porque sou mulher...
- Mas... eu não entendo.
A mãe se inclinou para ele, abraçou-o e disse:
- Meu amor, você jamais irá entender! ...
Mais tarde o menininho perguntou ao pai:
- Papai, por que mamãe às vezes chora, sem motivo?O homem respondeu:
- Todas as mulheres sempre choram sem nenhum motivo....
Era tudo o que o pai era capaz de responder
O garotinho cresceu e se tornou um homem. E, de vez em quando, fazia a si mesmo a pergunta:
Por que será que as mulheres choram, sem ter motivo para isso?
Certo dia esse homem se ajoelhou e perguntou a Deus:
- Senhor, diga-me... Por que as mulheres choram com tanta facilidade?
E Deus lhe disse:
- Quando eu criei a mulher, tinha de fazer algo muito especial. Fiz seus ombros suficientemente fortes, capazes de suportar o peso do mundo inteiro... Porém suficientemente suaves para confortá-lo!
- Dei a ela uma imensa força interior, para que pudesse suportar as dores da maternidade e também o desprezo que muitas vezes provém de seus próprios filhos!
- Dei-lhe a fortaleza que lhe permite continuar sempre a cuidar da sua família, sem se queixar, apesar das enfermidades e do cansaço, até mesmo quando outros entregam os pontos!
- Dei-lhe sensibilidade para amar seus filhos, em qualquer circunstância, mesmo quando esses filhos a tenham magoado muito ...
Essa sensibilidade lhe permite afugentar qualquer tristeza, choro ou sofrimento da criança, e compartilhar asansiedades, dúvidas e medos da adolescência!
- Porém, para que possa suportar tudo isso, Meu filho... Eu lhe dei as lágrimas, e são exclusivamente suas, para usá-las quando precisar.
Ao derramá-las, a mulher verte em cada lágrima um pouquinho de amor.
Essas gotas de amor desvanecem no ar e salvam a humanidade!
O homem respondeu com um profundo suspiro...
- Agora eu compreendo o sentimento de minha mãe, de minha irmã, de minha esposa...- Obrigado, Meu Deus, por teres criado a mulher.

(desconheço o autor)

07 maio 2010

Ser feliz

Ser feliz é encontrar força no perdão, esperanças nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros. É agradecer a Deus a cada minuto pelo milagre da vida.

LUZES DA CIDADE







fotos ney (clique para ampliá-las)
Luzes da cidade iluminando a noite, as ruas, a volta do trabalho, os caminhantes, namorados, os cansaços, os sonhos, os vazios, as alegrias, os bares, os lares, o trânsito parado. Vibram, cintilam, refletem, riscam nas fotografias a música da noite. (ney)
Poderão ouvir Antonio Pinto & Jaques Morelenbaum em... http://www.youtube.com/watch?v=g05ClF_pvF8&feature=player_embedded

04 maio 2010

BOA COMPANHIA...


foto ney (clique para ampliá-la).
Ah, aquela bicicleta é a minha, eu só parei para... (advinha?). Isso mesmo, comer pipoca, e ainda sobrou para os pombos. Vai nessa!? Parque é parque, hora de ser criança, inclusive com os filhos e netos.
E lá pelos anos 50 a carrocinha de pipoca fazia sucesso numa marchinha de carnaval (Marcha da Pipoca - Luiz Bandeira/Arsenio de Carvalho), na voz de Virginia Lane: "... empurra a carrocinha que a pipoca está quentinha..."

01 maio 2010

VELHAS ÁRVORES



foto ney (clique para ampliá-la)
VELHAS ÁRVORES (Olavo Bilac)

Olha estas velhas árvores, — mais belas do que as árvores mais moças, mais amigas, tanto mais belas quanto mais antigas, vencedoras da idade e das procelas . . .
O homem, a fera e o inseto à sombra delas, vivem livres de fomes e fadigas; e em seus galhos abrigam-se as cantigas. E alegria das aves tagarelas . . .
Não choremos jamais a mocidade! Envelheçamos rindo! envelheçamos como as árvores fortes envelhecem.
Na glória da alegria e da bondade, agasalhando os pássaros nos ramos, dando sombra e consolo aos que padecem!