17 julho 2008




Meus 53 anos.




Como boa curitibana, nasci num dia frio, com uma neve fina caindo lá fora. Acho que por isso que sou tão friorenta. No dia 19 de julho de 1955, faz tempo, tudo era muito diferente de agora, não tinha brinquedos, tínhamos que improvisar e éramos criativos.Eu tinha uma boneca de pano toda furada, mas gostava muito dela.Com aquela boneca eu brincava com a minha alma e hoje em dia as crianças dão um olhada para os brinquedos e logo eles perdem o seu valor.
Infância cheia de brincadeiras com os irmãos que deixavam a nossa mãe maluca.Ir para a escola, ai que tédio; pois eu era magricela e recebia muitos apelidos, mas sobrevivi.Como toda jovem desejava, casei e tive quatro filhos e eles não deram trabalho na infância, pois brincavam juntos e eu nem os via.Na adolescência foi diferente.Os conflitos aconteceram e foram sendo superados.Agora estão todos casados e eu aqui a esperar um neto.Uma hora ele vem, eles vem.Aos meus 53 anos, vou tentar viver a vida com mais alegria e prazer e desta forma ir buscando momentos diferentes como, por exemplo, a comemoração do meu aniversário. Meu irmão que mora na chácara, disse que é para eu comemorar meu aniversário lá com eles mas que não é para eu me preocupar com nada pois ele vai comprar um bolo e os demais membros da família se encarregam do necessário para comemorarmos um data que ele diz ser especial para ele.Rubem Alves afirma que temos duas caixas de ferramentas uma com utilidades e outra por elementos que dão prazer.Assim, a caixa de ferramentas é formada por meios de vida. A gente não viveria sem essas ferramentas.Vamos colocar isso na família “A família é um conjunto de pessoas sincronizadas para uma função definida”.


Por isso vou comemorar meu aniversário com prazer, sendo que os elementos necessários para isso estão sendo vistos pelas pessoas que me amam.E tem coisa melhor que isso?



4 comentários:

Dulce disse...

Heli,
Lindas fotos. Lindo texto. Nota-se nele muita sensibilidade, amor à vida, alegria. Parabéns. Pelo texto e pelo aniversário. Que sua festa seja linda, que seu dia seja perfeito.

heli disse...

Obrigada Dulce!
Eu escrevi vários textos e não me identificava com eles, até que saiu esse, simples, mas sincero no meu modo de acreditar na vida.

Dulce disse...

Mas é assim mesmo, Heli. Acho que você já notou que tudo o que há de mais belo na vida está sempre envolto em simplicidade.

heli disse...

È verdade, quando damos valor ao que é simples ele se transforma em algo precioso.