16 fevereiro 2010

Quarta-feira de cinzas


foto ney
Toda a terra está envolta nas neblinas e a friagem se difunde pelo espaço...
- longe se ouve, em cadência, passo a passo
o caminhar dos boêmios nas esquinas...

Pela sombra - as estrelas pequeninas
com sono, tem o olhar nevoento e baço...
No silêncio da noite ouço o compasso
do sereno a pingar das serpentinas...

Algum bando tardio passa adiante
- e deixa pela noite uma batida
de samba em agonia - estrebuchante...

Quarta-feira de cinzas já amanhece,
- mais outro carnaval em minha vida,
vida que há muito um carnaval parece!...

J.G. de Araujo Jorge

7 comentários:

heli disse...

Ney.
Gostei do seu bom humor destacado nesta postagem.
Lindo poema, falando dos sonhos e da vida!!
beijos,
heli

Fernanda disse...

Olá amigos!

Sou eu a Fernanda (Ná) !!!!!!!!!!
Lembram-se de mim????
Estou bem e não gozei o Carnaval.
Carnaval só mesmo com calor, aqui está um frio de morrer...não dá para descascar nada :)))

Gostei da imagem do Ney, será que ele ressona??? ahahah!

Beijos

Fernanda disse...

Sou eu novamente...
desculpem-me, mas já vi no Claúdio o mesmo McCann como seguidor, não sei o que esse "homenzinho" faz metido nos Blogues.

Desculpem se me meti onde não sou chamada...

Beijinhos

heli disse...

Ná.

Que bem tê-la por aqui, já estava sentindo a sua falta.
Quanto ao Ney estar ressonando ou não, só ele pode nos dizer!!eheheh
Beijos
heli

ney disse...

Pois é, por aqui viramos mesmo uma cidade fantasma, como eu disse em postagem anterior. Mas agora não foi o carnaval desanimado e a cidade vazia, foi a falta de luz, um apagão total. Diz a concessionária que foi um problema em Furnas (http://oglobo.globo.com/rio/mat/2010/02/16/problema-em-furnas-provoca-falta-de-luz-em-areas-de-seis-municipios-fluminenses-diz-ampla-915873313.asp

Pior que o calor hoje está no máximo, talvez o dia mais quente. Está feia a coisa. Mas a luz voltou.

Bem-vinda Fernanda, voltando a blogosfera. Valeu heli pelo comentário, deitei na escada para tirar a foto quarta-feira de cinzas, coisa de maluco (rs).
Deve ser o calor. beijos;ney.

ney disse...

EM TEMPO:
Já faltou e voltou a luz outra vez. QUANTO AO RESSONAR eu nunca ouvi (rs), mas dizem os que estão a minha volta que SIM. Meu nariz só tem tamanho, de um lado desvio de sépto, do outro rinite alérgica. Agora vai ficar com esse defeito de fabricação até o fim. bjs.

Amapola disse...

Linda poesia!

Um grande abraço.