16 março 2010

ESPIRITUALIDADE




foto ney - Igreja São Francisco Xavier - Niterói-RJ.

A vida é um constante aprender, perceber, constatar, que se torna um conhecimento quando formamos uma idéia clara e definida na consciência. São muitas correrias, circunstâncias, nem sempre podemos refletir, encontrar a melhor harmonia espiritual e física. Além disso, sofremos influências de pessoas próximas e do pensamento universal ao longo do tempo.
Dos preceitos religiosos foi dito que eu deveria acreditar em todos, como dogmas, mesmo que a missa fosse em Latim. Adorar a Deus, meus pais só poderia amar. Mas tudo bem, em se tratando de amor eu não ia complicar. Estudei em colégio católico, mas convivi bem com todos a minha volta. De um modo ou de outro, cheguei numa espiritualidade de paz e amor, sem verdades absolutas. A foto foi só um dos jeitos de dizer desses sentimentos, o que mais conheci, mas devem todos nos libertar e fazer amar. (ney).

4 comentários:

Wanderley Elian Lima disse...

Oi Ney
Teve formação espírita e até hoje me identifico com a doutrina, mas para amar a Deus e ao ´próximo não é necessário ter religião e sim desprendimento, humildade e solidariedade.
Forte abraço

ney disse...

Wanderley,
Pois é, acho que não dá mais para seguir doutrinas, verdades absolutas dos homens, radicalismos, ideologias, senão vira uma guerra, um desentendimento total, rituais, ao invés de amor, paz, solidariedade. Abraço/ney.

Amapola disse...

Bom dia, Ney.
Belo, o seu texto.

Um bom fim de semana.

ney disse...

Amapola,
Obrigado. Ótima semana.
Abraço/ney.